Fecha
TURISMO E CULTURA

São João Digital encerra nesta sexta-feira, com homenagem aos sotaques do bumba boi

Os Bois de Costa de Mão são conhecidos pelo ritmo cadente, pela riqueza do bordado de sua indumentária e pela especificidade do toque do pandeiro percutido com o dorso da mão (foto arquivo)

 

Todos os anos é grande a expectativa para uma das festas mais tradicionais do nosso estado: o São João. E como todos querem comemorar as festas juninas, a Secretaria de Estado de Turismo em parceria com o Sebrae Maranhão organizaram o São João Digital, com o intuito de alegrar os corações sem aglomeração. A festa ganhou programação especial onde podem ser acompanhadas pelas redes sociais nos perfis @maranhaoterradeencantos e @sebraemaranhao.

“A proposta é levar os turistas e os maranhenses à uma vivencia de São João diferente, a partir de experiências que remetam ao festejo, a comida regional e a nossa cultura que é cheia de diversidade”, destacou o secretário de Estado do Turismo, Catulé Júnior.

Ao todo aconteceram quatro oficinas gratuitas, voltadas para economia criativa, gastronomia e o turismo. No primeiro dia, tivemos a oportunidade de aprender a fazer cenários juninos na oficina Vitrine Virtual com Manoel Mougeot, jornalista e criativo de moda.

E como no São João não pode faltar o melhor da comida típica, o chef Junior Ayoub, trouxe o passo a passo das receitas de arroz de cuxá com espetada de peixe pedra, e o caldo de Tarioba com Pão de Santo An tônio. E para quem não sabia desenhar ou nunca tinha pintado com aquarela, a arquiteta e escritora maranhenses, Rosiane Bastos apresentou as técnicas e efeitos, valorizando a preservação da cultura maranhense e utilizando materiais recicláveis.

E para fechar a programação acontece nesta sexta-feira, 26, a transmissão online onde serão apresentadas curiosidades sobre às apresentações dos sotaques de bumba-meu-boi. Uma grande celebração de fé, festa e arte com cores, dança, música, teatro e muita alegria, o bumba-meu-boi do Maranhão tem diversos sotaques, entre os quais os mais conhecidos de matraca, zabumba, baixada, orquestra e costa-de-mão.

Tags : capa