Fecha
Educação

Projeto de impacto social da Faculdade ISL Wyden capacita 70 mulheres em São Luís

A empresária Lou Marques e as três vencedoras desta edição do Wonder Woman, Val, Cristina e Thadia, exibindo orgulhosas os seus certificados de conclusão de curso de iniciação em empreendedorismo. (fotos divulgação)

 

A educadora Lou Marques comandou a terceira etapa do projeto Wonder Woman no espaço Black Swan na Cohama, premiando empreendedoras da comunidade, que participaram de cursos de especialização gratuitos ofertados na Faculdade ISL Wyden.

O projeto de impacto social organizada pela Faculdade ISL Wyden, é fruto de uma parceria com a AME (Associação de Mulheres Empreendedoras do Maranhão) e com o Instituto de Cidadania Empresarial,  que oferece às mulheres da comunidade, cursos de especialização com o objetivo de capacitá-las a otimizar seu negócio, e com isso valorizar o empoderamento feminino, deixando-as inclusive, menos vulneráveis à violência doméstica.

Na terceira etapa do projeto social Wonder Woman 70 mulheres da comunidade foram capacitadas

Este ano, o projeto vencedor do primeiro lugar foi o “ Bonecos inclusivos”, de Thadia Diniz,  Thadia é técnica em enfermagem e trabalha no setor de pediatria.

Ela percebeu no seu dia a dia de trabalho, que as crianças da pediatria precisavam se sentir representadas em suas diferenças. Observou que os hospitais recebem muitas doações de brinquedos, mas sempre são brinquedos dentro dos padrões, sem inclusão alguma. Então Thadia resolveu confeccionar brinquedos em feltro, que trouxessem as características que as crianças da pediatria apresentavam.  Em segundo lugar ficou o projeto Veg &Tal Culinária Vegana, de Fernanda Cristina. E a terceira colocada foi Valdelena Alves, com o projeto Val Artes Produtos Artesanais.

 

Tags : Faculdade ISL Wyden