Fecha

Aldo Martins (Senac), aluno de Serviço de Restaurante, conquistou o bronze no torneio e vibra com a bandeira do Brasil nas mãos. O Maranhão também venceu no Desafio de Ideias.

Aí, galera, vamos aplaudir os competidores maranhenses premiados na Olimpíada do Conhecimento do Senai. O fato inédito aconteceu nesta sétima edição do evento, que foi encerrada, ontem, no Pavilhão do Anhembi, em São Paulo.

Os dois vencedores maranhenses foram a aluna do Senai-MA, Marina de Pádua e o estudante de Serviço de Restaurante do Senac-MA, Aldo Alves Martins.

Ambos levaram a medalha de bronze para casa colocando em destaque a qualidade dos cursos técnicos oferecidos pelas duas instituições no Maranhão.

A Olimpíada do Conhecimento reuniu mais de mil competidores, entre docentes e estudantes de cursos técnicos de todo o Brasil e de mais 24 países das Américas.

Além do torneio, eles participaram de competições paralelas, como o Inova Senai, o Desafio de Ideias e o WorldSkills Americas.

Marina de Pádua, 28 anos, conquistou a medalha de bronze em Panificação para Pessoa com Deficiência. Ela tem síndrome de down e disputou com outros nove alunos na categoria.

Um dia antes da final do torneio saíram os resultados do Desafio de Ideias e do Inova Senai, competições paralelas que também contou com a participação de alunos e instrutores do Estado.

O maranhense Isaac Araújo, e sua equipe formada por mais quatro estudantes do Senai, ganhou o prêmio máximo no Desafio de Ideias, uma das competições paralelas à 7ª Olimpíada do Conhecimento, em São Paulo.

 O presidente da Federação das Indústrias do Estado do Maranhão (Fiema), Edilson Baldez das Neves (na foto, à direita, com Marco Antonio Moura, diretor regional do Senai), comemorou os resultados que, para ele, confirmam que o investimento em qualificação profissional no Maranhão está no caminho certo.

Tags : Olimpíada do Conhecimento Senai