Fecha
Economia e Negócios

Grupo Solum seleciona pequenas e médias empresas para receber investimentos

Rodrigo Fiszman é sócio-fundador da Solum Participações (foto divulgação)

 

O Grupo Solum está com inscrições abertas até 16 de agosto para pequenas e médias empresas (PMEs) que buscam investidores. Serão selecionados 30 negócios que receberão investimentos que podem variar de R$ 1 milhão a R$ 10 milhões, por meio de financiamento ou compra de participação acionária minoritária. Para se candidatar, a empresa precisa ter tido faturamento acima de R$ 3 milhões em 2019 e atuar nos setores de educação, saúde, tecnologia, varejo, alimentos, agrícola, pet e serviços.

Os interessados encontram mais informações e podem preencher formulário  através do linkhttp://lp.gruposolum.com.br/solum-attract. Os selecionados para a segunda etapa serão anunciados no dia 18 de agosto, quando começará o processo mais detalhado de análise para conhecer melhor as empresas e empresários por trás dos negócios. Ao final dessa etapa serão definidos os finalistas e negociados os termos de investimento.

As empresas selecionadas também contarão com benefícios exclusivos e mentoria do time de especialistas do Grupo Solum. Os empreendedores terão acesso a ferramenta para padronizar reports de resultados; simplificar relatórios; customizar e controlar painel de indicadores; gerir quadro societário; gerenciar a agenda de reuniões e atividades dos conselhos administrativos; organizar e calcular valuation.

Sobre o Grupo Solum

O Grupo Solum é uma holding que conecta empresas e investidores, e impulsiona o desenvolvimento do mercado de pequenas e médias empresas no Brasil. No ano passado, a Solum anunciou o lançamento de um Venture Capital focado em PMEs. Ao selecionar as PMEs que receberão os aportes, o time de gestão tem interesse por um grupo amplo de setores, focando em negócios que não nasceram necessariamente tecnológicos ou atuam na nova economia. O objetivo da gestora é encontrar oportunidades em mercados pulverizados, no qual nenhum participante tenha mais que 30% de market share. O grupo também tem um olhar especial para segmentos defasados, se comparados à mercados desenvolvidos.

Tags : capa