Fecha
CINEMACultura

Festival “Cinema Pela Verdade” em São Luís

Apesar das atividades estarem voltadas principalmente aos acadêmicos, o Festival é gratuito e aberto ao público.

 

Atenção cinéfilos da Ilha. A Faculdade São Luís acaba de anunciar que sediará, o Festival Cinema Pela Verdade, que acontecerá de 21 a 23 próximo, às 19h, no auditório Dr. José Vasquez Ver-Vallen, da instituição.

O festival é uma parceria do Instituto Cultura em Movimento (Icem) com o Ministério da Justiça e vem sendo realizado desde maio de 2012 nas principais universidades do país.

Em todos os estados do Brasil, o festival exibe gratuitamente filmes nacionais cujo foco é o período da ditadura militar e suas consequências. Já foram realizadas 135 sessões e mais de 12 mil pessoas participaram do projeto.

O “Cinema pela Verdade” selecionou três documentários que trazem diferentes enfoques sobre o tema: Cidadão Boilsen (2009) de Chaim Litewski; Condor (2007), de Roberto Mader; e Hercules 56 (2006), de Silvio Da-Rin.

Além desses, o projeto também vai contar com a participação especial de mais duas obras: Diário de uma Busca (2010), de Flavia Castro; e Uma longa Viagem (2011), de Lucia Murat, lançamento nacional de 2012.

Após cada exibição, é promovido um debate com acadêmicos, pesquisadores, integrantes de movimentos sociais e culturais, além dos próprios diretores ou equipe de produção dos filmes, onde estudantes e debatedores terão a chance de trocar conhecimento e experiências, fomentando assim a discussão.

No dia 23, o diretor do filme Condor, Roberto Mader, irá participar do debate junto aos participantes do evento.

Confira a Programação:

Dia 21: Hércules 56 – Na semana da independência de 1969 o embaixador americano no Brasil, Charles revolucionário e a libertação de 15 presos políticos, que representam diversas tendências políticas que se opunham à ditadura militar. Banidos do território nacional e com a nacionalidade cassada, eles são levados ao México no avião da FAB Hércules 56. Através de entrevistas com os sobreviventes os fatos desta época são relembrados. Direção: Silvio Da-Rin, 2006. Documentário, 94 minutos.

Dia 22: Uma Longa Viagem – O documentário fala da vida da própria diretora, na época em que era presa política do regime militar e um de seus irmãos, Heitor, rodava o mundo num mergulho delirante no universo das drogas. Direção : Lucia Murat , 2011. Documentário, 97.

Dia 23: Condor – Condor foi o nome dado à cooperação entre governos militares sul-americanos que resultou no seqüestro e assassinato de milhares de pessoas e no exílio de tantas outras. Uma análise contemporânea destes eventos, trazendo uma história de terrorismo de Estado, mas também de pessoas e da procura pela verdade e justiça. Direção: Roberto Mader, 2007. Documentário, 106 minutos.

Tags : Cinema pela Verdade