Fecha
CulturaMúsica

Em Real Fantasia, Ivete Sangalo ressurge latina

Com pose e padrões de estrela  internacional, Ivete Sangalo posa para Gui Paganini com direção de arte de Giovanni Bianco, o mesmo responsável pelas capas de Madonna.

 

Numa reportagem a revista Billboard Brasil, deste mês, assinada pelo jornalista Pedro Só, Ivete Sangalo revela detalhes de seu novo album “Real Fantasia”,  que vem aí com ares de sons latinos. Segundo ela, a mescla de ritmos ganhou força por causa de sua família — seu avô era espanhol. Ivete fala ainda da timidez do marido e de seu futuro incerto como atriz de novelas. Abaixo alguns trechos da matéria:

 

“Depois de sete anos sem lançar disco de estúdio com repertório inédito, Ivete Sangalo oferece “Real Fantasia”, álbum com 12 gravações inéditas e duas faixas-bônus incluídas anteriormente em trilhas de novela.

Em várias das novidades, o pernão retratado na capa caliente se estica em direção à latinidade. Padrões de cumbia pipocando desde o primeiro minuto, uma faixa chamada “Delira na Guajira”, o acento cubano marcado em “Puxa Puxa”, com arranjo de Jomar Freitas.

Para quem vem de um DVD/disco ao vivo no Madison Square Garden, coalhado de presenças gringas, isso poderia ser tomado como aceno ao mercado externo ou reflexo de uma internacionalização da carreira.

Mas, em se tratando de Ivete, não é bem assim, garante ela. “É involuntário. Eu vou começando a escolher as músicas, vou me envolvendo com os arranjos e sou levada pelo meu gosto. Quando vejo, já estou nesses caminhos. Fui fazendo ao meu bel-prazer e saiu assim, bem latino”, explica a cantora, pelo telefone, enquanto recebe uma massagem”.

Uma de suas músicas fala em casamento religioso e o fim da faixa tem Ivete narrando uma cerimônia.

As revistas de fofoca podem interpretar como um sinal, afinal, a cantora não esconde que gostaria de celebrar religiosamente sua união com Daniel Cady.

Mas… “O pedido de casamento ali é simbólico. Meu marido é muito avesso a tudo isso. Outro dia mesmo fui madrinha na cerimônia da Solange [Almeida, vocalista do Aviões do Forró], e ele sofreu. ‘Meu amor, mas eu tenho que entrar lá com todo mundo?’ E eu: ‘Calma, são só alguns metros!’”

 Sobre voltar a atuar em novelas

Findam as gravações da novela Gabriela, apesar de todos os elogios, Ivete não pretende tão cedo emendar novos trabalhos como atriz. “Já foi bom demais.

Para meu próprio bem, é melhor deixar Machadão [Maria Machadão, seu papel] guardada na memória.” O inquieto Marcelo Sangalo Cady, que já brinca de música direitinho – “Ele é fera nos ritmos, já sopra e tira som do trompetinho” –, é quem periga ganhar um irmãozinho em 2013 ou 2014.

Os planos da mãe seguem firmes. “Eu estou fazendo a minha parte. F***, a gente sempre está, né?”, brinca Ivete”.

Tags : Ivete Sangalo