Fecha
AGENDA NM

Banda Daphne e convidados farão o show de abertura do “Legião Urbana XXX Anos”

Os músicos Daphne: Paulo Pellegrini (teclado), Alexander de Carvalho (voz e guitarra),  Carlão (bateria), Otávio Parga (baixo), Fernandinho (guitarra) e Nuna Neto (Divulgação)

 

“Daphne and Friends” é o título do show que marcará a abertura do “Legião Urbana XXX Anos”, evento que está gerando muita expectativa e acontecerá nesta sexta-feira, 10, às 21h, no Blue Tree Towers Hotel (Calhau).

A banda, que marcou época em São Luís, destacando-se na cena musical entre os anos de 1989 e 2004, foi a primeira brasileira, dentro do gênero rock, a lançar um disco e, no palco, relembrará sua trajetória recebendo convidados como Adriano (Alcmena), Pandha e Leo Mart Cruz de Metal.

Daphne lançou dois discos, emplacou diversos sucessos nas rádios e conquistou  prêmios entre os anos de 1997 e 2001. A banda é formada por Alexander de Carvalho (voz e guitarra), Paulo Pellegrini (teclado), Otávio Parga (baixo), Fernandinho (guitarra), Nuna Neto e Carlão (bateria).

 “Nós ajudamos a consolidar o rock no Maranhão. Quando começamos, no final dos anos 1980, havia poucas bandas e espaços para tocar e as gravações eram difíceis, pois os técnicos não tinham referências. Nós quebramos essas barreiras, lançando discos, tocando em rádios, dando entrevistas, ou seja, tudo isso antes do advento da internet”, disse Alexander de Carvalho.

Foram muitas apresentações, praticamente em todos os espaços culturais possíveis da Ilha (teatros, universidades, praças, casas de shows, shoppings, praias etc). Uma das mais marcantes foi durante a abertura do show de Jota Quest, em 1999, quando os músicos foram chamados também para tocar no “after party”, devido ao clima que criou na abertura.

Esquenta e “after”

A banda fará o esquenta e o encerramento do show capitaneado por Dado Villa-Lobos e Marcelo Bonfá. A dupla cantará as músicas dos álbuns “Dois” e “Que país é este”. Os discos foram lançados, respectivamente, em julho de 1986 e novembro de 1987. São clássicos do rock brasileiro e foi a partir deles que a Legião Urbana passou a se tornar uma banda clássica e atemporal.

Tags : Geração Brazuca