Fecha
AGENDA NM

Amigos vão promover leilão na Internet neste sábado em prol do Buteko Lagoa

Segundo estimativa da Associação Brasileira de Bares e Restaurantes no Maranhão (Abrasel-MA), cerca de 5 mil maranhenses estão desempregados ou com o contrato de trabalho suspenso.

O pior é que muitos estabelecimentos fechados não devem voltar a funcionar. A expectativa não é animadora, já que cerca de 40% das empresas não devem retomar as atividades quando tudo isso passar. A situação de calamidade no setor tem sensibilizado os amigos do Buteko Lagoa, pessoas que gostam e frequentam o bar, comandado por Alcione Tavares e Adriano Almeida.

Eles se uniram e lançaram um leilão para ajudar o Buteko a retornar saudável, breve, e estão em campanha para arrecadar doações para serem leiloadas pela plataforma VIP Direto, que pertence ao Grupo VIP Leilões, empresa que atua há mais de 20 anos no mercado de leilões, proporcionando aos seus clientes e parceiros bons negócios com credibilidade, honestidade e excelência.

A Vip Leilões está fazendo tudo sem custo algum. Portanto, quem também estiver sensibilizado com a situação de dezenas de famílias desamparadas do Buteko pode acessar, doar, arrematar, participar. Em tempo: o leilão oficial já tem data marcada. Acontecerá neste sábado, 30,  às 12h, pelo site https://www.vipdireto.com.br/. Mais informações: (11) 9 88434675

Cenário brasileiro

Como em outros países, no Brasil, empresários pressionam seus governos por medidas dirigidas exclusivamente ao setor — que só aqui emprega 6 milhões de pessoas. Um grupo de mais de 300 influentes chefs e donos de restaurantes brasileiros se articula através do WhatsApp para criar ações de cobrança ao poder público, como suspensão de tributos e facilidade de créditos.

Mas enquanto os pacotes não são implementados, os empreendedores estão colocando sua criatividade à prova para poder continuar tendo alguma receita, e assim pagar ao menos as contas fixas (como aluguel, água, luz) e ajudar na folha de pagamento para evitar demissões.

Tags : capa